Santa Casa de Misericórdia de Itajubá

Av. Cesário Alvim, 632, Centro, Itajubá - MG Cep. 37501-059

SAIBA COMO CHEGAR

Serviços e Informações:

(35) 3629-5600

Diretoria

Irmandade: 

Com estatuto estabelecido, a atividade da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Itajubá é de natureza filantrópica. Sendo assim, prestará assistência médico-hospitalar a enfermos necessitados, sem distinção de cor, sexo, raça, crença religiosa ou ideal político, bem como servirá de campo para instrução de profissionais da saúde, podendo ainda realizar outras atividades que atendam aos interesses da Instituição.

Conselho Administrativo:

O Conselho Administrativo é o órgão deliberativo que administra a SANTA CASA e, com mandato de dois anos, competindo-lhe:

  • Eleger entre seus pares o Provedor, o Vice-Provedor, o 1º. e 2º. Secretários e o 1º. e 2º. Tesoureiros;
  • Cumprir e fazer cumprir o presente Estatuto, as deliberações das Assembléias Gerais, o Regimento Interno, o Regimento do Corpo Clínico e demais Regimentos;
  • Praticar todos os atos e gestões de interesse da SANTA CASA nos limites dos poderes previstos no presente Estatuto;
  • Aprovar o Regimento Interno, o Regimento do Corpo Clínico e os demais normativos que se fizerem necessários;
  • Contratar e estipular a remuneração do Superintendente;
  • Contratar e estipular a remuneração de Assessoria Jurídica, Contábil e outras;
  • Preencher as vagas que ocorram nos quadros do Conselho Administrativo e do Conselho Fiscal, convocando os respectivos suplentes;
  • Conceder diploma, comenda ou outro título de reconhecimento a pessoas físicas ou jurídicas que contribuírem para a realização dos objetivos da SANTA CASA;
  • Declarar vago o lugar do conselheiro que faltar sem justificativa a três reuniões consecutivas ou a dez reuniões ainda que alternadas.
  • Aprovar a composição do quadro de empregados e suas remunerações conforme proposição do Superintendente;
  • Autorizar o início do exercício das atividades pelos profissionais da área médica ou de outra carreira profissional que tenham ingressado no Corpo Clínico e que satisfaçam as normas regimentais e as demais disposições estatutárias e legais;o Conselho Administrativo poderá ouvir, antes da decisão de que trata o inciso anterior, a seu critério, outros profissionais médicos, a serviço da SANTA CASA, sobre questões de habilitação técnica;
  • Aprovar a admissão e a exclusão de candidatos ao quadro associativo, em conformidade com as normas previstas neste Estatuto; determinar ao Diretor Clínico a exclusão do Corpo Clínico daquele profissional que:
  1. For condenado por prática de crime por sentença transitada em julgado;
  2. Lesar ou tentar lesar a SANTA CASA e ou Maternidade Doutor Xavier Lisboa material ou moralmente, causar danos, prejuízos ou descrédito ou ainda desrespeitar este Estatuto, Regimento e Normas;
  3. Descumprir normas da legislação de saúde e o Código de Ética Médica, bem como resoluções do Conselho Regional de Medicina ou de outras entidades de classe.
  • Destituir o Superintendente e o Diretor Técnico, a qualquer tempo, quando do interesse da SANTA CASA;
  • Destituir o Diretor Clínico quando comprovada lesão ou tentativa de lesão à SANTA CASA e ou à Maternidade Doutor Xavier Lisboa, material ou moralmente, ou ainda desrespeito à este Estatuto, Regimento e Normas, requerendo, de imediato, ao Corpo Clínico, a realização de Assembléia para eleição do novo Diretor Clínico.
  • Definir as políticas administrativa, econômica, social, de recursos humanos e outras;
  • Autorizar o Provedor, juntamente com o 1º. Tesoureiro, a contrair empréstimos, transigir, renunciar direitos e alienar bens;
  • Determinar a criação, redução, ampliação e extinção de serviços, de conformidade com a demanda, com as necessidades  com a situação financeira da SANTA CASA;
  • Elaborar o Plano de Trabalho e previsão orçamentária de cada exercício;
  • Autorizar as despesas ordinárias e as referentes a obras de melhoramentos;
  • Encaminhar à Assembléia Geral as questões que, ao juízo do mesmo ou por força do presente Estatuto, devam ser submetidas à mesma;
  • Encaminhar à Assembléia Geral o pedido de admissão de associado Benemérito e Honorário;
  • Apresentar anualmente à Assembléia Geral, o Balanço e o Relatório de Atividades da SANTA CASA;
  • Sugerir ao Superintendente a admissão, a dispensa e a punição de médicos contratos pela SANTA CASA no regime celetista;
  • Dar execução aos dispositivos deste Estatuto e interpretar, pela melhor exegese, os casos omissos neste Estatuto.

MEMBROS DO CONSELHO

Provedor: Marcos Antônio Gomes
Vice-Provedor: Paulo Maximiliano de Almeida
1° Secretário: Francisco Sales de Almeida
2° Secretário: Lea Cristina Aoun Montevic
1° Tesoureiro: Erwin Rolf Mádisson Junior
2º Tesoureiro: Lélia Regina Lisboa Rizzi Donato

CONSELHEIROS

Felício Barbosa Monteiro
Lucio Cesar Mendes Barros
Fernando Sales Paiva

ADMINISTRAÇÃO:

O Superintendente é o agente executivo, subordinado ao Conselho Administrativo, que será empregado da SANTA CASA, competindo-lhe:

  • Exercer e fazer cumprir, sob ordens diretas do Provedor, as deliberações do Conselho Administrativo;
  • Participar das reuniões do Conselho Administrativo, sempre que for convocado, sem direito a voto;
  • Prestar contas de sua gestão ao Provedor;
  • Tomar as medidas de caráter urgentes e inadiáveis não previstas neste Estatuto ou no Regulamento, submetendo, imediatamente o seu ato ao Provedor;
  • Elaborar o plano de metas em conjunto com os Diretores e Gerentes, acompanhando, avaliando e cobrando os resultados a que competir a solução;
  • Exercer outras atividades delegadas pelo Provedor, através de instrumento próprio.
  • Manter atualizados os preços dos serviços prestados pela SANTA CASA;
  • Fazer aplicações dos recursos financeiros da SANTA CASA de acordo com as determinações do Conselho Administrativo e as disposições estatutárias;
  • Manter atualizados o inventário geral de patrimônio e a escrituração contábil da SANTA CASA;
  • Assinar, juntamente com o Provedor, ou com o Secretário e ou com o Tesoureiro, sempre em conjunto de dois, os cheques emitidos pela SANTA CASA.
  • Apresentar mensalmente ao Conselho Administrativo e anualmente à Assembléia Geral o relatório de suas atividades, com dados elucidativos do movimento e balanço financeiro da SANTA CASA para conhecimento e aprovação dos associados;
  • Fiscalizar o comportamento técnico-profissional dos profissionais e empregados e a qualidade dos serviços prestados, denunciando eventuais irregularidades encontradas;
  • Cumprir as políticas administrativas e de admissão e dispensa de empregados, aprovada pelo Conselho Administrativo;
  • Contratar Auditores, Consultores e os Gerentes;
  • Acompanhar os relatórios gerenciais de resultados;
  • Apresentar ao Conselho Administrativo, quando solicitadas, as contas de arrecadação dos rendimentos da SANTA CASA, expedindo mensalmente o balancete da receita e da despesa;
  • Apresentar ao Conselho Administrativo, na época de eleição de seus membros e quando solicitada, a lista de associados quites com a Tesouraria;
  • Supervisionar a elaboração, no princípio de cada ano, do balanço geral da receita e despesas do exercício anterior, para que seja submetido à apreciação da Assembléia Geral, após parecer do Conselho Fiscal;
  • Definir o Diretor Técnico do Corpo Clínico da SANTA CASA;
  • Fiscalizar o depósito diário da arrecadação do dia anterior.

EQUIPE EXECUTIVA

Renata Rennê Ribeiro Finamor Alvarenga – Superintendente
Micheli Cristini Graciano - Gerente Administrativa
Katiany Ribeiro - Gerente Hospitalar

COMISSÕES

  • Direção Clinica

Diretor Clínico Dr. Lucio Cezar Mendes Barros
Vice-Diretor Clínico
Roger Sousa Nilo Almeida Araújo
Diretor Técnico
Dr. Lúcio Cezar Mendes Barros

  • Comissão de Ética

Presidente Dr. Celso Teixeira Da Silva                                                                                    
Secretário
Dr. Jacy De Oliveira Júnior                                                                                  
Membro efetivo
Dr. Olavo Renó Campos Filho, Dr. Reginaldo Finamor Alvarenga 

  • Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA

Representantes dos empregados:

Titulares:
Bruna Coelho Nepomuceno (Vice presidente)
Gilmar Cesar Ananias
Josiane Ap. de Oliveira Resende
Fátima Aparecida de Oliveira

Suplentes:
Matheus Maia Guerra
Silvana Aparecida Barbosa
Alessandro de Souza Pereira

Representantes do Empregador:
Valeria Cristina Pereira (Presidente)
Carolina de Oliveira Santos
Flavia Braga
Tatiany Alkmin Rodrigues
Micheli Cristini Graciano
Ana Eulalia
Flavia de Campos Irineu